divulgação

Para ver esta semana…

Chegando em DVD e on-demand…

Não sabe o que ver? Confira aqui as novidades da semana para curtir em casa

Semana forte para todos os gostos, começando por Capitão América: Guerra Civil. Deixe para lá a rixa boba entre Marvel e DC Comics, porque não se trata de tomar partido: o terceiro filme do Capitão, e segundo orquestrado pelos irmãos Anthony e Joe Russo, é do balacobaco e pronto. Um filme de super-herói cujo clímax consiste de dois sujeitos numa briga feia, e só? É o máximo do estou-podendo.

Pessoalmente, adoro também Ave, César!, a mais recente parceria entre os irmãos Ethan e Joel Coen e George Clooney. Mas não custa avisar que, quanto mais você conhecer do cinema da velha Hollywood, mais vai aproveitar o humor do filme. Não é pré-requisito, mas ajuda. No mínimo, confira pela participação fabulosa de Alden Ehrenreich como um caubói que todos julgam meio bocó. Não é por acaso que logo em seguida ele foi convidado para ser o novo Han Solo.

Jogo do Dinheiro é uma ação entre amigos: Jodie Foster dirige os velhos comparsas George Clooney (de novo) e Julia Roberts, de Onze e Doze Homens e Um Segredo, numa história de gente que ganha muito e gente que perde tudo. Destaque também para o ótimo Jack O’Connell, que você viu no Invencível de Angelina Jolie. Finalmente, Ryan Reynolds entra e sai do suspense Mente Criminosa, e deixa tudo nas mãos de Kevin Costner. Que quase faz milagre mas, no final, é derrotado pela falta de senso de humor da direção.


Clique nas fotos abaixo para ver as resenhas.

(on-demand)

Divulgação
Capitão América: Guerra Civil

(DVD e on-demand)

Divulgação
Ave, César!

(DVD e on-demand)

Divulgação
Jogo do Dinheiro

(on-demand)

Divulgação
Mente Criminosa

6 comentários em “Para ver esta semana…”

  1. “Capitão América: Guerra Civil” devia de chamar “Homem de Ferro 4”.
    É o mais PESSOAL dos filmes com ele, e o drama mais pessoal de Tony Stark é explorado ao extremo. Quanto ao final, o clímax consiste de TRÊS sujeitos numa briga feia. Além do mais, pôr aquele bonequinho articulado do Chris Evans pra contracenar com um super-ator como Rober Downey Jr. é pedir pra apanhar. Feio.

    Curtir

    1. Tbm gostaria muito de ver uma crítica da Isabela sobre o filme. Dos grandes críticos, ela foi a única q não publicou nada. Até na edição impressa da Veja, quem escreveu foi o Marcelo Marthe se não me engano (crítica asquerosa, aliás).

      Curtir

Deixe uma resposta para Ernesto Ribeiro Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s