Arquivo da tag: Crítica

“O Esquadrão Suicida” é tudo isso – e ainda tem coração

Vindo da Marvel, o diretor James Gunn acerta em cheio e exercita uma liberdade criativa inédita na DC. Era a experiência que faltava ao estúdio

Continuar lendo “O Esquadrão Suicida” é tudo isso – e ainda tem coração

“Jungle Cruise”: Blunt e Dwayne não deixam o barco fazer água

Jaume Collet-Serra, o diretor de “Águas Rasas”, dá simpatia a uma aventura feita de retalhos

Continuar lendo “Jungle Cruise”: Blunt e Dwayne não deixam o barco fazer água

Na sueca “Young Royals”, da Netflix, um olhar revigorante

Excelente, a série sobre um príncipe da Coroa sueca que se apaixona por um colega de escola prefere personagens e relações à intriga

Continuar lendo Na sueca “Young Royals”, da Netflix, um olhar revigorante

O “Tempo” de Shyamalan voa, mas falha na aterrissagem

Diretor parte de uma de suas premissas mais intrigantes, mas só consegue desenvolver parte dela – e, de novo, falha na reviravolta final

Continuar lendo O “Tempo” de Shyamalan voa, mas falha na aterrissagem

“Céu Vermelho-Sangue” da Netflix: apertem os cintos e protejam o pescoço

Filme do alemão Peter Thorvath junta sequestro aéreo e vampirismo, e leva muito a sério a combinação inusitada

Continuar lendo “Céu Vermelho-Sangue” da Netflix: apertem os cintos e protejam o pescoço

Tiozão de “Top Gear” encara trombadas rurais em “Clarkson’s Farm”

Veterano da TV e novato no campo mete os pés pelas mãos em “Na Fazenda com Clarkson’. Mas descobre que trigo e ovelhas dão até mais alegria que carrões

Continuar lendo Tiozão de “Top Gear” encara trombadas rurais em “Clarkson’s Farm”

Em “The Flight Attendant”, Kaley Cuoco é baladeira – e principal suspeita

Misto de thriller e comédia, série da HBO Max faz uma homenagem em ritmo acelerado a Hitchcock

Continuar lendo Em “The Flight Attendant”, Kaley Cuoco é baladeira – e principal suspeita

“Rua do Medo 1994, 1978 e 1666”: o melhor fica para o fim

Baseada nos livros de R.L. Stine, de “Goosebumps”, trilogia de terror criada para a Netflix pela diretora Leigh Janiak começa no razoável e progride para o muito bom

Continuar lendo “Rua do Medo 1994, 1978 e 1666”: o melhor fica para o fim

“Um Lugar Silencioso: Parte II”: uma garota contra o apocalipse

No papel de Regan (mesmo nome da personagem de Linda Blair em “O Exorcista”), Millicent Simmonds é o coração e a musculatura da continuação do sucesso de 2018

Continuar lendo “Um Lugar Silencioso: Parte II”: uma garota contra o apocalipse

“A Guerra do Amanhã”: Com quantos furos se faz uma peneira?

200 milhões de dólares de orçamento e ainda assim Chris Pratt e o diretor Chris McKay, de “Uma Aventura Lego”, não acharam alguém capaz de fazer um roteiro decente

Continuar lendo “A Guerra do Amanhã”: Com quantos furos se faz uma peneira?