Arquivo da categoria: Filmes

“Run”, na Netflix: mamãe não bate bem

Thriller do diretor de “Buscando…” é enxuto, eficiente e tem uma ótima performance da novata Kiera Allen

Continuar lendo “Run”, na Netflix: mamãe não bate bem

Em “Menina de Ouro”, Clint Eastwood faz doer na carne

Filme de 2004 com Hilary Swank entrou na Amazon e é para se acabar

Continuar lendo Em “Menina de Ouro”, Clint Eastwood faz doer na carne

“Druk”: um desespero silencioso e, então, umas doses de alegria

Em uma atuação esplêndida, Mads Mikkelsen ajuda o diretor Thomas Vinterberg a tirar de uma tragédia pessoal um filme que é uma criatura viva

Continuar lendo “Druk”: um desespero silencioso e, então, umas doses de alegria

“Liga da Justiça de Zack Snyder”: o melhor é o final (porque acaba)

Versão do diretor para filme de 2017 é um acúmulo de nadas sobre nadas

Continuar lendo “Liga da Justiça de Zack Snyder”: o melhor é o final (porque acaba)

Tom Holland dá o sangue, mas “Cherry” é um mergulho no raso

Filme dos irmãos Russo sobre a trajetória doida de um personagem verídico, da guerra para as drogas e o roubo a bancos, tem estilo, mas não convence

Continuar lendo Tom Holland dá o sangue, mas “Cherry” é um mergulho no raso

“Raya e o Último Dragão”: o clássico instantâneo da Disney

Novo desenho tem animação belíssima, personagens irresistíveis e trama azeitada, com “mensagem” que não subestima a plateia – nem a infantil, nem a adulta

Continuar lendo “Raya e o Último Dragão”: o clássico instantâneo da Disney

“Judas e o Messias Negro”: um encontro, uma tragédia

Soberbos, Daniel Kaluuya e LaKeith Stanfield encarnam uma história real de admiração e traição no excelente filme do novato Shaka King

Continuar lendo “Judas e o Messias Negro”: um encontro, uma tragédia

“Monster Hunter” tem Milla e tem monstros, mas não tem charme

Com cara de gravação de gameplay, nova tentativa de franquia da adorável Milla Jovovich e seu marido, o diretor Paul W.S. Anderson, não tem aquela robustez “B” dos “Resident Evil”

Continuar lendo “Monster Hunter” tem Milla e tem monstros, mas não tem charme

Em “Eu Me Importo”, uma vigarista que não dá a mínima

Rosamund Pike, de “Garota Exemplar”, arrasa como uma tutora que vive de fraudar idosos – até fazer mira no “pato” errado

Continuar lendo Em “Eu Me Importo”, uma vigarista que não dá a mínima

“A Febre”: entre duas Amazônias

Na Netflix, a estreia segura e madura na ficção da documentarista Maya Da-rin acompanha o tukano Justino em Manaus

Continuar lendo “A Febre”: entre duas Amazônias